Sexta-feira, 25 de Janeiro de 2008
Alandroal

“Castelo” de Juromenha já é propriedade do Município

O Projecto de Reabilitação e Salvaguarda da Vila de Juromenha, será apresentado amanhã ao Primeiro-Ministro, como um dos onze “Projectos Turísticos de Excelência”, na sua visita ao Distrito de Évora.
 
O Director-Geral do Tesouro e Finanças, Dr. Durães da Conceição, deslocou-se ontem, dia 24 de Janeiro, ao Alandroal para assinar o Auto de Cessão a Título Definitivo do “Castelo” de Juromenha ao Município de Alandroal, que corresponde a uma área de 20.500 m2 do interior da Fortaleza com o mesmo nome.
 
Na cerimónia de assinatura do Auto de cedência da propriedade da Fortaleza ao Município, que teve lugar no Salão Nobre do Edifício Sede do Município de Alandroal, estiveram presentes, para além do Director-Geral do Tesouro e Finanças, o Presidente da Câmara Municipal, João Nabais, o Presidente da Assembleia Municipal, Professor Carlos Portas, restantes membros do Executivo Municipal, Presidentes de Juntas de Freguesia do Concelho, vários Técnicos do Município e população em geral.
 
Na sua intervenção, o Director-Geral do Tesouro e Finanças salientou a importância da assinatura do Auto de Cessão que “devolverá a vida à Fortaleza de Juromenha o que será motivo de grande orgulho para a população do Concelho de Alandroal e também para todo o país, dada a importância que esta representa a nível nacional.”
 
Por sua vez, o edil alandroalense frisou que este acto “é o culminar de um processo que dura há cerca de três anos e que agora irá ser colocado em prática, com a recuperação deste importante património que é a Fortaleza de Juromenha.”
 
Trata-se de um processo inovador e pioneiro a nível nacional, cujo êxito poderá significar um modelo a seguir para a recuperação de muitos monumentos nacionais que de outra forma não será possível recuperar.
 
Outro factor importante é que, o Projecto de Reabilitação e Salvaguarda da Vila de Juromenha que integra o empreendimento a construir no interior da Fortaleza (cuja parte monumental continua na posse do Estado), contempla também a construção de um conjunto de espaços sociais e de lazer que garantem o acesso livre ao miradouro e todos os espaços comuns.
A sede da Junta de Freguesia, o Posto de Turismo e outros serviços comunitários, farão também parte deste conglomerado.
 
Nesta primeira fase, o empreendimento turístico (que garante o restauro das muralhas e a reconstrução do interior da Fortaleza no respeito pela história do local) inclui a construção de uma Pousada, Restaurante Panorâmico, Anfiteatro ao ar livre e habitação turística.
 
O investimento, a iniciar de imediato, assume o valor de 20 milhões de euros, prevê a criação de 100 empregos directos e está assegurado por uma Empresa Municipal de Capitais Mistos.
 
Este Projecto de Reabilitação e Salvaguarda da Vila de Juromenha, com Espanha do outro lado do Lago, a escassos quilómetros do Aeroporto de Badajoz e da futura Estação de TGV Caia/Badajoz, será, sem dúvida, um dos mais importantes destinos ligados ao Regolfo de Alqueva.
 
O Concelho de Alandroal e toda a Região merecem e precisam de apanhar o “comboio” do desenvolvimento.


publicado por rossioarquiz às 12:46
link do post | comentar | favorito

Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Posts Recentes

Do Guadiana a Alqueva - C...

Cinema Alandroal Próximos...

Futebol 7 3º Torneio INTE...

4 Pack "Acústico"

Praça de Toiros Santiago ...

Porta 65

Auditório do Fórum Cultur...

25 de Abril

Exposição de Fotografia -...

Contos de Serão 23 Abril ...

Arquivos

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Links
Pesquisar Neste Blog
 
blogs SAPO
Subscrever Feeds